Arco de Constantino

O Arco de Constantino foi construído no ano 315 em comemoração da vitória de Constantino I o Grande na batalha da Ponte Milvio. Está situado entre o Coliseu e a Colina Palatino.

Dados sobre o arco

Construído a partir de peças de edifícios anteriores, o Arco de Constantino é o mais moderno dos arcos realizados na Roma Antiga. Tem uma altura de 21 metros, uma largura de 25 e é composto por três arcos.

Nos relevos do monumento, feito com blocos de mármore, podem ser vistas estátuas extraídas do Fórum de Trajano e alguns relevos nos quais aparece Marco Aurélio distribuindo pão entre os pobres, além da representação de Trajano depois de sua vitória frente aos Dácios.

A inscrição da parte superior, feita originalmente em letras de bronze, diz o seguinte: “Ao Imperador César Flávio Constantino, o maior, pio e bendito Augusto: porque ele, inspirado pela divindade e pela grandeza de sua mente, liberou o estado do tirano e de todos os seus seguidores ao mesmo tempo, com seu exército e só pela força das armas; o Senado e o Povo de Roma lhe dedicaram este arco, decorado com triunfos”. 

Um lugar estratégico na cidade

O Arco de Constantino é um dos monumentos melhor conservados da Roma Antiga. Graças à sua excelente localização, é um dos pontos mais fotografados e representativos da cidade. 

Transporte

Metrô: Colosseo,linha B.
Ônibus: linhas 75, 85, 87, 175, 673 e 810.

Lugares próximos

Coliseu de Roma (144 m)
Palatino (339 m)
Fórum Romano (407 m)
Basílica de San Pietro in Vincoli (500 m)
Basílica de São Clemente (600 m)